quarta-feira, 16 de maio de 2018

Cucos.





Em Torres Vedras existe este lugar maravilhoso, completamente desconhecido para mim, e cuja beleza não se esgota certamente nos edifícios e no jardim. Sem dúvida, um lugar para regressar e explorar mais... Fiquei absolutamente encantada, especialmente quando vi que tinha uma chaminé para desenhar!

terça-feira, 15 de maio de 2018

Cromeleque dos Almendres.



Como o encontro era só à tarde, deu para sair de Lisboa com calma e aproveitar para fazer uma pequena rota turística. Viajar pelas nacionais é sempre uma boa maneira de conhecer o país, e observar a paisagem a mudar... A caminho do Alentejo a horizontalidade impõe-se, as casas vão ficando mais pequenas, caiadas de branco, e traços de azul ou amarelo.. mas o que eu gosto mesmo é de apreciar as chaminés! :)
Naquele dia, a caminho de Évora, houve tempo para fazer um desvio para conhecer o Cromeleque dos Almendres (o Menir fica para outra altura).
O caminho em terra batida foi um pouco tortuoso, mas valeu bem a pena! É um lugar magnífico e que merece mais do que um rabisco de cinco minutos...

segunda-feira, 14 de maio de 2018

tarde abençoada.





De volta a Évora, passados cerca de dois anos, desta vez para desenhar uma das 27 igrejas intramuros de Évora. O ponto de encontro foi na Praça do Sertório, e feito o primeiro desenho fomos em busca de outras igrejas para aproveitar o resto do tempo até ao momento da partilha.
Quando voltámos à praça, apercebi-me de que a árvore que nos dava sombra era uma Ginkgo Biloba, e tive a confirmação de que Évora ocupa um lugar especial no meu coração, desde a primeira vez que a vi. :)

domingo, 13 de maio de 2018

escultura e música.





Na Gulbenkian, enquanto aguardava pela hora do Concerto Promenade, aproveitei para desenhar...
Busto de Victor Hugo | Auguste Rodin
Cabeça de Velho | Francisco Franco

Concerto com Manuel De Almeida Ferrer no violino e Wouter Valvekens no piano.

terça-feira, 3 de abril de 2018

Salto Virtual.


Taj Mahal, Índia
Carimbos + lápis de cor
Fevereiro 2018



Grande Barreira de Coral, Austrália
Carimbos
Março, 2018

Para saber mais sobre este projecto, clicar aqui.
Para acompanhar o projecto no Instagram, seguir por aqui.

segunda-feira, 2 de abril de 2018

imperfeitamente acabado.


A linha atrai-me, e é muito difícil resistir-lhe... Mas aqui apeteceu-me contrariar um pouco essa tendência, e lancei-me ao Panteão com mancha directa. É um processo lento, a aguarela exige tempo e paciência (e um pincel maior) mas gostei muito do resultado.

domingo, 1 de abril de 2018

sexta-feira, 30 de março de 2018